AGENDA

SESSÃO ITINERANTE - CRISTALINA (CANCELADA): 01/12 - 18H30

imprensa

05/05/2022

Pronunciamento

Cacá apresenta PL como tentativa de conscientizar sobre descarte irregular de lixo e entulhos

Destaque

O vereador Cassiano Tavares, o Cacá (Podemos), destacou na sessão ordinária desta terça-feira, 3 de maio, o Projeto de Lei Ordinária nº 27/2022, que institui a Semana de Conscientização e Combate ao Descarte Irregular de Lixo e Entulhos na cidade. A proposta foi aprovada por unanimidade em primeira votação no mesmo dia.

Cacá reforçou que não se trata de “mais uma semana” no calendário oficial do município e reforçou a necessidade de tratar do assunto com a população. Entre os objetivos do PL, ele citou: “corrigir hábitos que interferem negativamente no meio ambiente, pra trazer uma conscientização de como o comportamento do ser humano acaba ferrando com a natureza (...) e também a conscientização acerca das penalidades”, pontuou.

“Oportunizar aos alunos da educação infantil, ensino fundamental e médio e também, acadêmicos de diversos cursos superiores, a realização de trabalhos de campo junto à comunidade (...) e incluir nas aulas relacionadas à educação ambiental esclarecimentos dos prejuízos do descarte irregular de lixo e entulho”, foram os pontos destacados pelo autor.

O parlamentar reiterou que, com ações realizadas em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, as crianças poderão alertar os pais que “saem de casa, cheios de entulho pra largar num terreno”. “As crianças ainda têm jeito, mas os adultos que fazem isso é só levando multa”, declarou.

Tavares apresentou na tribuna imagens de uma rua que liga os bairros Cedrinho e Zantão. “Fiquei chocado com as imagens”, disse, ao expor restos de obra, móveis, televisores, roupas, sofás, entre outros itens abandonados na região. “Isso não é culpa do Executivo, que deveria ter um caminhão só pra isso — talvez até deveria — mas já que foram levar até ali, que levassem em local apropriado, disse.

Nik Imhof (MDB) complementou, em aparte, que ao atuar na Secretaria Municipal de Obras “cansavam de mandar semanalmente maquinários, entre outros serviços da Prefeitura, pra fazer limpeza desses locais” e acrescentou que as ações criminosas causam sérios problemas para o sistema de drenagem.  

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também