AGENDA

SESSÃO ORDINÁRIA: 16/10 - 17H

imprensa

16/05/2018

Pronunciamento

Deichmann reivindica medidas em prol do Corpo de Bombeiros

Destaque

O vereador Marcos Deichmann (Patriota) abordou em pronunciamento durante a sessão ordinária desta terça-feira, 15, a deficiência de efetivo do Corpo de Bombeiros Militares de Brusque. Ele cobrou a responsabilização do governo estadual no tocante ao problema e observou que a corporação mantém um quartel fechado no bairro Águas Claras justamente devido à falta de servidores. “Temos viaturas paradas no pátio, uma de ambulância, porque não tem ninguém para pilotar”, afirmou.

Deichmann sugeriu que Prefeitura volte a contratar os serviços dos bombeiros comunitários pagos (BCP), como já ocorreu, a fim de que a comunidade tenha o atendimento adequado: “Tínhamos nove representantes do município que tiveram todo o treinamento e ajudavam o Corpo de Bombeiros com os trabalhos. Desses, somente dois ou três estão na ativa, porque o contrato acabou, não foi renovado e também não aconteceram outros processos seletivos”.

Saúde

Num segundo momento, ele relatou que alguns munícipes estariam encontrando dificuldades para agendar consultas médicas em determinada Unidade Básica de Saúde (UBS) porque a médica que atende no local se encontrava de atestado médico e, na sequência, teria saído de férias. De acordo com o vereador, as tentativas de agendamento ocorreram ao longo de seis meses. Ele pediu à administração que tome providências no tocante ao assunto: “Essas coisas devem ser cobradas. A comunidade precisa de representatividade e ações, não só de palavras”.

Em aparte, Claudemir Duarte, o Tuta (PT), apoiou o orador: “Está difícil de vermos um desenrolar quanto a essa questão da Saúde. Temos uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) às traças no bairro Santa Terezinha, dentista contratado pelo serviço público que ia atender em consultório particular, e essas situações nos deixam cada vez mais preocupados”.

    Nenhum tópico relacionado para este conteúdo;

    veja também